HQT Racing estreia no BRMX com pódio e grandes expectativas para o decorrer do campeonato

Caio Lopes #134 Foto: Victor Silva

A equipe HQT Racing fez sua estreia oficial nas competições com o time completo, durante as primeiras rodadas do Brasileiro de Motocross, realizadas em Faxinal/PR.

A equipe chefiada por Samuel Augusto conta com pilotos em grande parte das categorias, e saiu de Faxinal com resultados positivos e grandes expectativas para o decorrer do campeonato.

Após um período de treinos e competições nos EUA, o experiente Caio Lopes retornou ao Brasil e desembarcou diretamente no Brasileiro de Motocross. Caio teve um grande fim de semana em Faxinal e se mostrou mais consistente e firme nas disputas diante dos melhores pilotos do motocross brasileiro. Das 4 baterias em que disputou, Caio finalizou 3 delas em 8º e devido a alguns problemas não completou uma delas.

Representante nas categorias de base, Pietro Fraga foi bem nos treinos e fez boa largada na disputa da categoria 50cc, no momento em que brigava por posições importantes, Pietro sofreu uma forte queda e foi forçado a abandonar. Apesar o susto, Pietro nada sofreu.

Pietro Fraga #152
Foto: Tiago Lopes

Thaís Castro foi um dos grandes destaques da equipe, a piloto de apenas 15 anos mostrou muita evolução em relação a temporada passada e promete dar trabalho as adversárias. Tatá conquistou a 2ª colocação na categoria MXF e levou a HQT Racing ao primeiro pódio da temporada no Brasileiro de Motocross.

Tatá Castro #111
Foto: Victor Silva

Em sua primeira participação numa competição a nível nacional, Léo Sulino viveu uma grande experiência no Brasileiro de Motocross. O piloto de apenas 16 anos alinhou na categoria MX2JR, manteve um bom ritmo durante todo o fim de semana e completou todas as etapas sem quedas ou grandes erros.

Léo Sulino #988
Foto: Tiago Lopes

Disputando a MX2, Alexandre Terlizzi enfrentou algumas dificuldades para se adaptar com a pista e fez provas seguras. Na última bateria do fim de semana, o piloto sofreu uma queda mais forte e foi obrigado a abandonar, mas ainda assim fechou a etapa com um saldo positivo de resultados constantes e boas disputas.

Alexandre Terlizzi #120
Foto: Victor Silva

O destaque negativo da equipe fica por conta da lesão sofrida por Rafael Becker. O gaúcho sofreu uma fratura no pulso após um forte acidente envolvendo outro piloto e passou por cirurgia para tentar retornar as pistas o quanto antes.

Rafael Becker #7
Foto: Tiago Lopes

O português Afonso Gaidão segue o tratamento após sofrer a lesão no joelho e retorna apenas para a temporada 2022.

“Foi um fim de semana muito positivo, a primeira corrida oficial com a presença de todos os pilotos reunidos, estamos felizes com o desempenho de cada um, infelizmente o acidente do Rafael Becker o deixará um tempo afastado, mas estamos na expectativa de que ele volte o quanto antes.”

O próximo desafio da equipe será o Arena Cross, no dia 25 de setembro em Caraguatatuba/SP, com Caio Lopes na AX Pró, Alexandre Terlizzi na AX2 e Pietro Fraga na 50cc.

A HQT Racing conta com os seguintes apoiadores: Rota Kawasaki, Renova Grafix, Santo Forte, Mattos Racing, UltraLub, Inside Pinturas, 595 Tattoo, Biker Acessórios, Foco Racing, DTO Sports, Serginho Suspensões, Mogogas Design, Bernardo Starling Nutrição, Farmácia Saint Germain, Padma Terapias Alternativas, Jund Extintores, BMP Special Parts, Dino Tranning, Show Radical, ADS Productions, Motivação MX, Vida Natural Hortaliças, Posto Líder, Lizard Parts e PV Industries.

Continue arrastando para cima ☝☝☝ para conferir todos os patrocinadores do site Show Radical 👇⚡! 

– Clicando no anuncio das empresas você é direcionado ao site da marca!