Etapa de Arroio do Meio define os campeões do Gaúcho e Brasileiro de Velocross, confira os resultados completos.

Foto: Rodrigo Júnior

Nesse domingo a cidade gaúcha de Arroio do Meio foi palco da decisão da temporada 2022 do Brasileiro e Gaúcho de Velocross, reunindo os principais pilotos do Brasil na modalidade em uma etapa disputadíssima.

O forte calor durante todo o fim de semana foi um desafio a mais para os pilotos, e exigiu uma boa preparação física.

Após a realização dos treinos livres e cronometrados durante todo o sábado, o domingo foi de muitas disputas nas provas que aconteceram durante todo o dia.

Alguns pilotos mais conservadores, apenas buscando confirmar o título e outros bastante ousados, em busca de reverter a situação para sair com o título da temporada, assim podemos definir a etapa decisiva, em um evento grandioso que reuniu os melhores pilotos de Velocross do Brasil, ao lado dos fãs apaixonados pelas duas rodas, que mesmo com sol forte não abandonaram o recinto e ficaram ligados nas disputas.

Uma das baterias mais acirradas do dia, a 250 Pró teve como protagonistas os pilotos Jordan Martini e Carlos Augusto. Martini superou seu adversário praticamente em cima da linha de chegada e com uma vantagem de 0,44 centésimos garantiu a vitória da categoria e o título brasileiro. Mauro Brazaca que havia liderado boa parte da bateria, abandonou devido a problemas com a moto.

Seguindo nas disputas voltadas para as categorias nacionais, dessa vez na Força Livre, Rodrigo Riffel largou bem, enquanto Alex Alarcon após uma largada mediana foi escalando o pelotão em busca de posições.

Na reta final da bateria, Alex atacou Rodrigo, que corria pelo título e não forçou a disputa, com isso, melhor para Alarcon que assumiu a liderança e venceu. Rodrigo ainda foi superado por Arthur da Costa e finalizou na 3ª colocação, resultado que ainda assim lhe deu o título Brasileiro, enquanto Alarcon ficou com o título Gaúcho.

Nas categorias importadas, Lucas Basso e Júnior Brazaca foram os destaques das principais categorias, VX1 e VX2. Na VX2, Lucas Basso fez boa largada e liderou grande parte da prova, mas após sofrer problemas com sua motocicleta, o multicampeão gaúcho abandonou a prova. Com isso, Júnior Brazaca, que chegou a sofrer uma queda ainda no início da bateria e fez uma prova de recuperação foi o grande vencedor da prova.

O título da categoria ficou com Rodrigo Riffel, que fez uma péssima largada e buscou posições, encerrando a prova na 5ª colocação e confirmando o título nacional. Brazaca garantiu o título Gaúcho na categoria.

Na VX1, foi a vez de Lucas Basso dar a volta por cima, com uma boa largada, imprimindo um forte ritmo até o fim e garantindo a vitória e o título Gaúcho da categoria. Júnior Brazaca que não havia feito uma boa largada, foi recuperando posições e completou a prova na 2ª colocação, resultado que lhe deu o título do Brasileiro principal categoria.

Nas categorias Veteranas, Fabiano dos Santos foi um dos destaques da etapa final e deixou Arroio do Meio com o título em duas categorias. Enquanto isso, na VX3 Especial, Juliano Mercali fez uma prova perfeita, onde venceu de ponta a ponta. Fabiano Nestor e Tiago Hort disputaram até o fim o título da VX3 Nacional e no fim quem levou a melhor foi Fabiano, que também venceu de ponta a ponta, confirmando o título do Brasileiro e Gaúcho.

Nas disputas da VX4 e VX45 Nacional Lizandro Costinha foi o grande nome das duas categorias e venceu. Em disputa válida pelo Brasileiro, Rodrigo dos Santos ficou com o título da VX4 Nacional e Luciano de Conto foi o campeão da VX45 Nacional.

Na VX4 Especial, Ricardo Bamman venceu a bateria e Nicolas Blanchet na 2ª colocação ficou com o título Brasileiro, enquanto Ricardo foi coroado campeão gaúcho.

Na disputa Feminina, Fernanda Neu conquistou sua primeira vitória na VXF Nacional. Na 2ª colocação, Mozara Bittencourt foi a grande campeã Brasileira da categoria, enquanto Pryscilla Neves ficou com o título estadual.

Após o título Brasileiro de Motocross, a piloto oficial Honda Racing, Maiara Basso garantiu a vitória na etapa final, o título gaúcho e também o título brasileiro da temporada 2022.

Nas categorias de base, com direito a gates cheios e uma enorme superação da garotada nesse dia bastante quente, Pedro Kammer foi o grande nome da temporada na 65cc, ficou com a 2ª colocação na etapa e o título Brasileiro da categoria.

A prova encerrou a primeira temporada de coberturas oficiais do Show Radical no Brasileiro e Gaúcho de Velocross, onde mostramos ao Brasil e ao mundo as disputas de altíssimo nível do Velocross brasileiro.

A prova foi uma realização do Mocam, Motoclube de Arroio do Meio, com supervisão da FGM e financiamento do Pró-Esporte, através das empresas Biker Acessórios, Refricomp e Polibras e apoio da Prefeitura Municipal de Arroio do Meio.

O Campeonato Gaúcho de Velocross tem patrocínio oficial de Pro Tork e Sportbay, apoio de Borilli Racing, Biker Acessórios, Base 41 e Foco Racing.

VX1
Vencedor – Lucas Basso #8

Foto: Rodrigo Júnior

VX2
Vencedor – Júnior Brazaca #489

VX3 Especial
Vencedor – Juliano Mercali #750

VX4 Especial
Vencedor – Ricardo Pereira #9

Foto: Rodrigo Júnior

65cc
Vencedor – Henri Oliveira Krug #612

250 Pró
Vencedor – Jordan Prade Martini #100

Júnior
Vencedor – Luan Carlos Durante #720

Foto: Rodrigo Júnior

Nacional Força Livre
Vencedor – Alex Júnior Alarcon #42

Foto: Rodrigo Júnior

VXF Nacional
Vencedor – Fernanda Neu #110

Foto: Rodrigo Júnior

ASSISTA AO REPLAY DAS CORRIDAS DE DOMINGO:

Continue arrastando para cima ☝☝☝ para conferir todos os patrocinadores do site Show Radical ?⚡!

– Clicando no anuncio das empresas você é direcionado ao site da marca!