Husqvarna Power Husky é campeã do Arena Cross na 50cc com Heitor Matos

Equipe encerrou a temporada com três pilotos entre os Top 4: Humberto "Machito" Martin (4º na Pró), German Bratschi (4º na AX2), além de Heitor. Rodada dupla no fim de semana foi disputada em uma pista indoor no Pavilhão do Anhembi. Foto: Idário Café

Missão cumprida para HUSQVARNA POWER HUSKY/GOLDENTYRE que encerrou, neste domingo (28), a temporada do Arena Cross com Heitor Matos (TC 50) #300 no lugar mais alto do pódio. A equipe teve três pilotos entre os Top 4: o venezuelano Humberto “Machito” Martin (FC 450 Rockstar) #101 finalizou o campeonato em 4º na Pró, o uruguaio German Bratschi (FC 250 Rockstar) #146 em 4º na AX2 e o paulistano Heitor foi Campeão na 50cc. As provas aconteceram no fim de semana de rodada dupla no Pavilhão do Anhembi, em São Paulo, onde foi construída uma pista indoor que desafiou os competidores.

Aos oito anos, Heitor chegou à Final como líder do campeonato, após a vitória na etapa anterior em Caraguatatuba/SP. No sábado venceu a corrida e, no domingo, após liderar praticamente toda a corrida, com grande vantagem, caiu na última volta e terminou em 2º mas seu título na 50cc já estava garantido. “A pista estava bem legal, gostei muito e fiquei bem feliz com o título. Mas fui cair bem na última volta, se não tinha vencido hoje também. E a minha moto estava bem forte”, diz campeão, que na semana passada garantiu o título Paulista de Motocross e segue na liderança do Brasileiro da modalidade, na categoria.

Heitor Matos
Foto: Idário Café

Com 12 edições do Arena Cross e um título na AX2 (2011) no currículo, Machito compete na classe principal (Pró) e destaca que a cada ano é um novo desafio. “Foi uma novidade para gente esse tipo de pista, feita por um inglês, e mudou totalmente o padrão que estamos acostumados no Brasil, então foi um desafio. Mas vim buscando e evoluindo a cada bateria tanto que hoje fui melhor do que ontem. A moto está fenomenal, se comportou muito bem, apenas preciso de mais tempo para me adaptar a esta nova configuração de suspensão”, explica o Tricampeão Latino-Americano de Motocross e embaixador da Husqvarna no Brasil.

German Bratschi
Foto: Idário Café

Para German novidades são bem-vindas. “A pista estava muito boa, apesar de ter feito uma largada ruim, mas depois fui recuperando posições até terminar a corrida em 3º hoje (28) e para mim foi um resultado muito bom. Agradeço também à Husqvarna Brasil por todo o apoio”, diz o piloto uruguaio.

“Quero agradecer à toda a equipe pela dedicação e empenho, apesar da temporada curta, foi muito positiva e todos foram muito bem. A pista estava  diferente da etapa anterior e no nível de supercross americano e isso fez com que a equipe aprendesse muita coisa, como o acerto da suspensão”, explica Maurício Fernandes, um dos sócios da 2W Motors, que representa a Husqvarna no Brasil. Sobre os pilotos, faz uma breve avaliação do desempenho de cada um: “Heitor venceu praticamente de ponta a ponta o campeonato, hoje (28) estava liderando mais de meia pista em relação ao segundo. Machito andou muito bem, se entendeu mais com a pista, neste domingo, e com a suspensão da moto e está em ótimo nível e fazendo um bom trabalho. O German é surpreendente como evolui, pois nunca havia feito supercross e o Franco está andando bem demais, mas machucou o joelho e preferimos poupá-lo.”

Franco Iavecchia (FC 250 Rockstar) #222 levou um tombo na corrida da AX2, no sábado, à noite, se machucou e não disputou a prova de domingo. A decisão foi poupar o piloto para que se recupere bem para a final do Campeonato Brasileiro de Motocross daqui a alguns dias no sul do país.

Franco Iavecchia
Foto: Idário Café

A equipe HUSQVARNA POWER HUSKY/GOLDENTYRE conta com patrocínio da Husqvarna Brasil, Goldentyre Brasil, Circuit Equipment, Liqui Moli Brasil, Ride100%, Grupo 2W Motors, Fantic Bikes, KTM Bikes e Machito Scholl 101.

Classificação Final do Campeonato- Arena Cross 2021

Pró
1º – Anthony Rodriguez #127 – 113 pontos
2º – Hector Assunção #30 – 99 pontos
3º – Paulo Alberto #1 – 91 pontos
4º – Humberto Martin “Machito” #101 – 82 pontos (Husqvarna)
5º – Jetro Salazar #60 – 72 pontos

AX2
1º – Pepê Bueno #97 – 52 pontos
2º – Leonardo Souza #45 – 46 pontos
3º – Gabe Gutierres #491 – 40 pontos
4º – German Bratschi #146 – 37 pontos (Husqvarna)
5º – Gabriel Andrigo #10 – 32 pontos

50cc
1º – Heitor Matos #300 – 57 pontos (Husqvarna)

2º – Guilherme Valle #274 – 52 pontos
3º – Bruno Palmieri #91 – 37 pontos
4º – Rafael Caoni #353 – 32 pontos
5º – Jonnas Azzi #17 – 32 pontos

Corridas Domingo (28)

Soma Corridas Pró1º – Paulo Alberto #1 – 37 pontos
2º – Anthony Rodriguez #127 – 37 pontos
3º – Hector Assunção #30 – 33 pontos
4º – Cade Clason #78 – 26 pontos
5º – Tyler Bowers #87 – 21 pontos
7º – Humberto Martin “Machito” #101 (Husqvarna) – 17 pontos

Corrida AX2
1º – Enzo Lopes #80
2º – Gabe Gutierres #491
3º – German Bratschi #146 (Husqvarna)
4º – Pepê Bueno #97
5º – Leonardo Souza #45

Corrida 50cc
1º – Guilherme Valle #274
2º – Heitor Matos #300 (Husqvarna)
3º – Bruno Palmieri #91
4º – Rafael Caoni #353
5º – Jonnas Azzi #17

Corridas Sábado (27)

Soma Corridas Pró
1º – Anthony Rodriguez #127 – 39 pontos
2º – Paulo Alberto #1 – 36 pontos
3º – Hector Assunção #30 – 32 pontos
4º – Cade Clason #78 – 26 pontos
5º – Henry Miller #129 – 22 pontos
7º – Humberto Martin “Machito” #101 (Husqvarna) – 18 pontos

Corrida AX2
1º – Enzo Lopes #80
2º – Leonardo Souza #45
3º – Pepê Bueno #97
4º – Gabriel Andrigo #10
5º – Renato Paz “Muguinho” #4
12º German Bratschi #146 (Husqvarna)

Corrida 50cc
1º – Heitor Matos #300 (Husqvarna)

2º – Guilherme Buozi #274
3º – Enzo Vilela #122
4º – Lorenzo Ricken #16
5º – Bruno Celico Palmieri #91

Continue arrastando para cima ☝☝☝ para conferir todos os patrocinadores do site Show Radical 👇⚡!

– Clicando no anuncio das empresas você é direcionado ao site da marca!