Yamaha vence em Apiaí-SP e assume a liderança do Brasileiro de Motocross 2020

Paulo Alberto venceu as duas corridas MX1 – Foto: Tiago Lopes

O Brasileiro de Motocross 2020 teve a sua quarta rodada realizada neste final de semana (21 e 22/11), na cidade de Apiaí, em São Paulo. Para a Yamaha Monster Energy Geração, sobram motivos para comemorar, já que encerrou o domingo assumindo de forma isolada as categorias MX1 e Promocional Elite MX, com os pilotos Carlos Campano e Paulo Alberto, respectivamente.
 
Paulo aliás foi o grande vitorioso do final de semana. O português venceu as duas baterias da MX1 e a categoria Promocional Elite MX para assumir a vice-liderança do campeonato na MX1, e a liderança isolada da Promocional Elite MX.

Carlos Campano finalizou a prova com a segunda colocação na soma das duas baterias, marcando 42 pontos. Isso foi o suficiente para que o piloto assumisse a liderança do campeonato na MX1, com três pontos de vantagem para seu companheiro de equipe.
 
Na categoria MX2, Pepê teve dificuldades nas duas provas, mas marcou pontos importantes no campeonato. Na primeira bateria, após largar mal, recuperou-se e conseguiu finalizar na terceira posição. Na segunda bateria, em outra prova de recuperação após uma queda, teve que abandonar após um problema mecânico. Pepê ocupa a vice-liderança na tabela de classificação.
 
Na categoria MXF a piloto Maiara Basso finalizou a prova na segunda colocação, marcando mais 22 pontos no campeonato. A gaúcha é a vice-líder da categoria.
 
Os pilosos Vitor Borba, se recuperando de uma fratura na clavícula, e Tallys Nathan, se recuperando de lesão no tornozelo, ficaram de fora da etapa em Apiaí.
 
Sem muito tempo para comemorações, os pilotos já tem compromisso no próximo final de semana. Também no Motódromo da Fepasa, em Apiaí/SP, será realizada uma rodada dupla – quinta e sexta etapas do campeonato -, dias 27, 28 e 29 de novembro.
 
 
Resultados – 4ª etapa – Apiaí/SP
 
MX1 – (soma das baterias)
1. Paulo Alberto – 50 Pontos
2. Carlos Campano – 42 Pontos
3. Humberto “Machito” Martin – 35 Pontos
4. Gustavo Pessoa – 31 Pontos
5. Caio Lopes – 29 Pontos
 
MX2 – (soma das baterias)
1. Lucas Dunka – 50 Pontos
2. Leo Souza – 40 Pontos
3. Joaquim Neto – 32 Pontos
4. Gabriel Gutierres – 30 Pontos
5. Gabriel Andrigo – 27 Pontos
 
Promocional Elite Mx
1. Paulo Alberto – 25 pontos
2. Anthony Rodriguez – 22 pontos
3. Carlos Campano – 20 pontos
4. Gustavo Pessoa – 18 pontos
5. Fabio Santos – 16 pontos
 
MXF
1. Mariana Balbi – 25 pontos
2. Maiara Basso – 22 pontos
3. Larissa Dalló – 20 pontos
4. Thais de Castro – 18 pontos
5. Tayna Zolet – 16 pontos
 
 
Classificação do campeonato após 4 etapas:
 
MX1
1. Carlos Campano – 133 Pontos
2. Paulo Alberto – 130 Pontos
3. Anthony Rodriguez – 114 Pontos
4. Gustavo Pessoa – 100 Pontos
5. Humberto “Machito” Martin – 89 Pontos
 
MX2
1. Lucas Dunka – 130 Pontos
2. Pepê Bueno – 114 Pontos
3. Fredy Spagnol – 108 Pontos
4. Leo Souza – 97 Pontos
5. Gabriel Andrigo – 97 Pontos

Promocional Elite Mx
1. Paulo Alberto – 70 Pontos
2. Anthony Rodriguez – 67 Pontos
3. Carlos Campano – 64 Pontos
4. Gustavo Pessoa – 46 Pontos
5. Humberto “Machito” Martin – 42 Pontos
 
MXF
1. Mariana Balbi – 50 pontos
2. Maiara Basso – 44 pontos
3. Tayna Zolet – 36 pontos
4. Larissa Dalló- 34 pontos
5. Thais de Castro – 34 pontos

CARLOS CAMPANO #115
MX1

“Fim de semana um pouco difícil para mim. No sábado, não estive muito a vontade na pista, mas trabalhamos muito em equipe, com o Rafa (mecânico) para melhorar. Acabei largando um pouco mal na primeira bateria, tive que fazer prova de recuperação, quando estava em terceiro caí e bati a perna, mas consegui voltar e salvar a bateria. Na segunda, tinha bastante dor, mas larguei um pouco melhor, me mantive em terceiro. Fiquei em segundo na MX1 e liderando o campeonato. Vamos recuperar deste tombo e voltar para a próxima”

Carlos Campano #115
Foto: Tiago Lopes

PAULO ALBERTO #211
MX1

“A corrida foi muito boa, consegui vencer as duas baterias. Na primeira bateria, não larguei muito bem, por volta da quinta colocação, mas consegui me adiantar bem até chegar na liderança. Na bateria final, larguei na frente, cometi alguns erros e perdi a liderança, mas consegui me recuperar e ultrapassar o Anthony na última volta. Por isso estou bastante feliz, bem satisfeito. Agora é focar na próxima etapa e tentar vencer de novo”

Paulo Alberto #211
Foto: Tiago Lopes

FABIO SANTOS #4
MX1

“Eu sabia que esse final de semana seria muito duro pra mim! Desde a metade do ano venho sofrendo muito com uma lesão que tive, mas na primeira bateria tive uma largada boa e estava rápido, assumi a 2ª posição e estava colado com o primeiro, mas acabei cometendo um erro e caí. Tive que tomar uma decisão difícil, de abandonar a bateria para estar bem na Elite e ajudar meus companheiros de equipe. Na Elite larguei bem, mas as descidas estavam muito perigosas, com muito pó, não dava pra ver nada. Resolvi me poupar para terminar bem a bateria e ficar bem para o próximo final de semana.”

Fábio Santos #4
Foto: Tiago Lopes

PEPÊ BUENO #97
MX2

“Na primeira bateria estranhei um pouco o acerto da moto, larguei meio mal, mas lutei muito para recuperar. Cheguei na terceira colocação, mas já estava distante dos ponteiros e não tinha muito o que fazer, então decidi não arriscar, já que a pista era bem rápida e desafiadora. Na segunda, junto com a MX1, vinha fazendo outra prova de recuperação, depois de cair na primeira volta. Infelizmente, tive um problema mecânico e tive que abandonar a corrida. Agora, temos 100 pontos em jogo e vamos com tudo”

Pepê Bueno #97
Foto: Tiago Lopes

MAIARA BASSO #1
MXF

“Gostei da pista, estava com muitas canaletas, subidas, descidas. Comecei bem nos treinos, mas na corrida tive um pouco de dificuldade para encontrar as melhores linhas. Me travei um pouco e terminei na segunda colocação. Agora é focar no próximo fim de semana, com mais duas etapas decisivas”

Maiara Basso #1
Foto: Tiago Lopes

Continue arrastando para cima ☝☝☝ para conferir todos os patrocinadores do site Show Radical 👇⚡!

– Clicando no anuncio das empresas você é direcionado ao site da marca!