Rally Dakar: Lucas Moraes entra para a história ao colocar o Brasil no pódio do rali mais difícil do mundo.

Timo Gottschalk (esquerda), Lucas Moraes (direita). Foto: Rede Social / Lucas Moraes

No último domingo (15) o piloto brasileiro, Lucas Moraes, entrou para a história ao levar o Brasil ao pódio do rali mais difícil do mundo, o Dakar. Logo em sua primeira participação na prova, Lucas chegou em terceiro lugar no geral, sendo assim, o brasileiro com o melhor resultado nos carros e de quebra, ficou com o título entre os novatos.

Moraes pode até ter chegado à Arábia Saudita apenas como um ilustre desconhecido, mas no Brasil ele vem se destacando há bastante tempo. O piloto de 32 anos de idade é o atual bicampeão Rally dos Sertões, triunfando pela primeira vez em 2019, sendo o mais jovem a conquistar o feito.  

Apesar do grande sucesso nas quatro rodas, bem antes disso, nas duas rodas, Lucas foi um fenômeno no motocross brasileiro e com direito à participações internacionais. Por aqui conquistou o título Paulista de Motocross, foi vice-campeão no Arena Cross e top 3 no Latino Americano, já nos EUA foi campeão do Winter AM e já disputou o AMA Motocross.

Lucas Moraes #11
Foto: Renato Fernandes

Aos 21 anos, após uma luta difícil contra um problema no quadril o piloto abandonou a carreira no motocross e passou a competir nos carros, também no off-road.

De lá para cá o piloto mostrou seu talento nos carros e vem trilhando um caminho vitorioso. Bicampeão da Mitsubishi Cup e tricampeão do Brasileiro de Rally Cross-Country, em 2019 o piloto venceu pela primeira vez o Rally dos Sertões e repetiu o feito em 2022.

Os grandes resultados abriram portas ao piloto que passou a encarar desafios cada vez maiores no exterior antes de chegar ao Dakar. Em 2021 Moraes brilhou em Portugal, no Baja Portoalegre 500, onde conquistou a 3ª colocação, e foi destaque também na Espanha, dessa vez no Baja Aragón onde novamente ficou com a 3ª colocação.

Em busca experiências sobre os desertos árabes, Lucas disputou a etapa final da Copa do Mundo FI de Baja, em Dubaim finalizando na 2ª colocação entre os carros, apenas 1min07s atrás do vencedor, Al Rajhi, que conquistou o título na ocasião.

Ao longo dos 16 dias de competição Lucas e seu navegador, o alemão Timo Gottschalk, enfrentaram mais de 8500km nas areias da Arábia Saudita a bordo da Toyota GR DKR Hilux junto a equipe MEM Motorsport.

Foto: Dakar

“Terminamos o Dakar! Realmente não dá pra acreditar. Acho que ainda vai demorar algum tempo pra cair a ficha. Ainda está difícil de falar, de segurar a emoção. Mas conseguimos! Obrigado pelo apoio de todos lá do Brasil, especialmente aos meus amigos e familiares, ao pessoal todo que não parava de mandar mensagens de incentivo. Elas me deram muita força nestes dias”.

Foto: Dakar

Moraes ainda alcançou marcas impressionantes durante a competição, sendo eleito o melhor novato da competição, o melhor piloto de sua equipe, e o segundo melhor Toyota da prova, ficando atrás apenas da “lenda”, Nasser Al-Attiya, pentacampeão entre os carros.

Continue arrastando para cima ☝☝☝ para conferir todos os patrocinadores do site Show Radical ?⚡! 

– Clicando no anuncio das empresas você é direcionado ao site da marca!